Carli Filho pode voltar a dirigir se quiser

fonte_gazetadopovo

Após cumprir o período de suspensão da carteira de habilitação, o ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho poderia voltar a dirigir se quisesse. Para isso, bastaria entrar com um pedido no Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) e fazer um curso de reciclagem, conforme determina o Código de Trânsito Brasil­eiro (CTB). Segundo o Detran-PR, não existe mais nada que impeça Carli Filho de dirigir.

SE A LEGISLAÇÃO FOSSE JUSTA OBRIGARIA AS MONTADORAS OFERECER A BLINDAGEM COMO ITEM DE SÉRIE.

É ISSO… EU NÃO FICARIA SURPRESO SE A CULPA RECAÍR NOS MENINOS QUE MORRERAM POR ESTAREM SEM CAPACETE!

Jovem mata mãe para ir ao show do Calypso

FONTE_TERRA

Uma adolescente de 17 anos é suspeita de matar a mãe com 27 facadas no bairro Cauamé, em Boa Vista, em Roraima. A vítima, a professora Maria Junia Batista, 38 anos, teria negado o carro para a filha ir a um show da banda Calypso com amigas, na noite de sábado, o que teria motivado a briga e posteriormente o homicídio. Após o crime, a adolescente foi à festa.

O corpo de Maria só foi encontrado das 12h de domingo. A jovem foi apreendida pela Polícia Militar na casa de uma amiga e está no Centro Sócio Educativo (CSE). A delegada adjunta da DDM, Verlânia de Assis, explicou que, no depoimento, a adolescente disse ter combinado com a mãe de pegar o carro e sair para uma festa com os primos e amigas.

“Ela contou que lavava uma faca e foi até o quarto onde a mãe se encontrava. Elas começaram a discutir novamente, e, no calor da discussão, a adolescente disse que enlouqueceu e foi possuída pelo demônio e não sabe quantas facadas desferiu na mãe”, conta a delegada.

Ainda de acordo com a delegada, a adolescente contou que no quarto da mãe, estava sua irmã, de 5 meses de idade, e num outro quarto um primo de 7 anos. Segundo a delegada, nenhuma das crianças acordou. Segundo o depoimento da adolescente, ela tomou banho, vestiu-se e pegou o carro da mãe, saindo para se encontrar com os amigos, conforme já havia combinado.

“Ela disse que ao sair de casa deixou sua mãe caída na cama e as duas crianças dormindo, se encontrou com os amigos e foram até uma praça no centro de Boa Vista e a uma boate”, explicou a delegada Verlândia. A jovem ficou no centro até tarde e, na manhã de domingo, ela retornou a sua casa e encontrou o primo de 7 anos acordado.

Ainda de acordo com o depoimento da adolescente, o garoto disse: “a Júnia está cheia de sangue”. Ela teria respondido ao garoto para não olhar, pegou uma roupa e saiu de casa. Ela teria recomendado ao garoto para que desse um iogurte ao bebê, quando ele acordasse.

Ao final de seu depoimento a adolescente disse que usava maconha há um mês, mas que no momento do crime não estava sob efeito da substância. Ela foi apreendida por homicídio e encaminhada para o Centro Sócio Educativo (CSE). Para a delegada Verlânia de Assis, a motivação do ato infracional praticado pela adolescente é muito desproporcional ao valor da vida da mãe

NOS ESTADOS UNIDOS, APÓS UM RAPAZ METRALHAR PESSOAS INOCENTES NUM CINEMA SUPOSTAMENTE ESTIMULADO POR UM VIDEO GAME, FOI PROIBIDA A COMERCIALIZAÇÃO DE DETERMINADOS TIPOS DE JOGOS.

POR UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA, SHOWS DA BANDA CALYPSO TAMBÉM DEVERIAM SER BANIDOS. ALÉM DA NÃO ACRESCENTAR NADA PRA NINGUÉM, NEM CULTURALMENTE FALANDO, FICOU CLARO QUE PODE ESTIMULAR A AGRESSIVIDADE DE JOVENS DE MENTE VAZIA.